Diario do Sul
Twitter rectangular

CCPJ de Beja promove

Campanha de alerta para crimes contra as crianças

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Beja está a realizar, desde o início de abril, diversas atividades para assinalar o Mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância.

Bruno Calado Silva

21 Abril 2016 | Fonte: CMB

As instituições e empresas aderentes a esta causa colocaram um laço azul na fachada dos seus edifícios. O laço é o símbolo da necessidade social de luta contra os maus tratos a crianças.
Durante todo o mês de abril, e à semelhança do que acontece nos Estados Unidos da América há mais de 30 anos, “pretende-se consciencializar a população para a importância da prevenção dos maus-tratos na infância”, diz a CCPJ de Beja

A OMS assumiu a violência como um dos mais graves problemas de saúde pública, pela sua dimensão e consequências e alerta para a importância das medidas preventivas como o investimento que maior retorno oferece, a médio e longo prazo, a qualquer comunidade e país.

“Nesta causa pela proteção efetiva dos direitos da criança, e pela prevenção da sua violação todos temos responsabilidades”, afirma a instituição.

A nível nacional, os maus tratos físicos e psicológicos, na família ou em instituições, e menores em perigo de vida representaram quase metade das 1 857 denúncias feitas só através da Linha SOS Criança. Destes dados referentes ao ano passado, foram ainda reportados 61 desaparecimentos de crianças e jovens.

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.