Diario do Sul
Twitter rectangular

Operação Verão – Restauração Segura

Fonte: Nota de Imprensa

29 Agosto 2017 | Publicado : 08:53 (29/08/2017) | Actualizado: 09:03 (29/08/2017)

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) realizou uma operação de fiscalização, a nível nacional, direcionada a estabelecimentos de restauração e bebidas nas zonas de veraneio e/ou de grande afluência de pessoas, nos meses de julho e agosto

 

No período de férias e em lugares de grande afluência da população/consumidores verifica-se um acréscimo da procura dos serviços prestados pelos estabelecimentos de restauração e bebidas com consequentemente aumento da oferta desses serviços. Assim intensificou-se a fiscalização dos estabelecimentos de restauração e bebidas de forma a salvaguardar a segurança e defesa dos consumidores.

 

Como resultado da operação foram fiscalizados 895 estabelecimentos de restauração e bebidas de norte a sul do país, tendo sido instaurados 230 processos de contraordenação e 16 processos de natureza criminal relacionados com a comercialização de géneros alimentícios avariados, fraude alimentar e usurpação de denominação de origem protegida.

 

As principais infrações contraordenacionais verificadas foram o incumprimento dos requisitos gerais e específicos de higiene e inexistência de processo ou procedimentos de segurança alimentar baseados nos princípios do HACCP, inobservância dos requisitos das cozinhas, copas e zonas de fabrico dos estabelecimentos de restauração e bebidas, deficiente rotulagem em géneros alimentícios, falta de mera comunicação prévia e ainda infrações relacionadas com o livro de reclamações, com a venda de bebidas alcoólicas e com a lei do tabaco.

 

Foi ainda suspensa a atividade de 24 estabelecimentos de restauração e bebidas por incumprimento dos requisitos de higiene e foram apreendidos cerca de 800 kg géneros alimentícios.

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.