Diario do Sul
Twitter rectangular

No Dia Europeu do Empregador

IEFP mostrou oferta e ouviu necessidades das empresas

Autor :Bruno Calado Silva

Fonte: Diário do Sul

18 Abril 2016 | Publicado : 16:21 (18/04/2016) | Actualizado: 17:46 (18/04/2016)

Um dia de portas abertas a empresários e autarcas do distrito e um almoço-debate foi o formato escolhido pela Delegação Regional do Alentejo do IEFP para assinalar o Dia Europeu do Empregador promovido pela Comissão Europeia. O objetivo foi promover a cooperação entre os empregadores de pequenas e médias empresas (PME) e os serviços públicos de emprego (SPE).
“Quisemos participar, de acordo com a estratégia europeia, abrindo às empresas aquilo que é o SPE e mostrando quais são as nossas ofertas formativas, as nossas ferramentas e o nosso sistema de incentivos” explicou José Ramalho, diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional de Évora do IEFP (CEFP).
O local escolhido foi precisamente o CEFP, a 'montra' foi o Polo de Formação Tecnológica erguido onde, há cerca de cinco anos, existia um polidesportivo e onde diariamente se desenvolvem novas competências profissionais para responder às necessidades do mercado de trabalho, nomeadamente às do emergente sector da aeronáutica de Évora.
“Mas daqui também saem formandos para a industria automóvel e também saem formandos para a área das novas tecnologias, nomeadamente para o setor da programação digital, uma área onde a empregabilidade é superior a 75 por cento. Já no caso da aeronáutica a taxa de empregabilidade fica acima dos 95 pontos percentuais”, especificou o responsável do CEFP.
O Dia Europeu do Empregador tem, para além da divulgação da oferta formativa junto do meio empresarial, o objetivo de fazer chegar aos SPE da União Europeia as diferentes necessidades das empresas em termos recursos humanos dotados de competências profissionais específicas, algumas ainda não classificadas no Catálogo Nacional de Qualificações (CNQ)
“Queremos contar com a ajuda das autarquias, das associações de desenvolvimento regional e, claro, das empresas para podermos construir, interagindo com a Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional, novos perfis profissionais e até novos percursos de formação adequados às necessidades do mercado de trabalho”, esclareceu o delegado regional do IEFP de Évora, Arnaldo Frade.
Para além de diversas PME da região, o IEFP de Évora convidou para a visita ao Polo de Formação Tecnológica do CEFP, representantes da fabricante de aviões EMBRAER, da consultora internacional Capgemini e da Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo, que interviram no almoço-debate.
De acordo com os mesmos responsáveis, este tipo de iniciativas vão ter continuidade para “de uma forma inovadora e pouco institucional, melhorar a visibilidade e a credibilidade do IEFP" junto do meio meio empresarial e institucional.

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.