Diario do Sul
COMPETE 2020

Deputados do Grupo Parlamentar do PSD exigem resposta ao ministro da Saúde

“Faltam enfermeiros no Serviço de Obstetrícia/Ginecologia no HESE”

Alguns deputados do Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata inquiriram o ministro da Saúde sobre a falta de enfermeiros no Serviço de Obstetrícia/Ginecologia do Hospital do Espírito Santo.

Fonte: Redacção D.S.

27 Setembro 2016

Esta questão surge do facto de um grupo de enfermeiras ter denunciado o aumento do volume de trabalho, associado às necessidades específicas das utentes alvo dos cuidados por parte da equipa de enfermagem daquele serviço.

As profissionais de saúde anunciam que o crescente trabalho não tem sido acompanhado de um reforço de elementos da equipa, “muito pelo contrário, a equipa foi reduzida”. E acrescentam: “No limite, estes factos traduzem-se na diminuição da disponibilidade para apoio prestado às utentes bem como na saída depois da hora, sem que esse tempo seja sequer recompensado em tempo ou em dinheiro”. Não obstante, garantem que a qualidade dos cuidados prestados “não foi influenciada negativamente”, devendo-se isso à equipa que diariamente se rege pelos princípios do profissionalismo, perfeccionismo e ética profissional.

Perante tais factos, as enfermeira reclamam a admissão de novos elementos para a equipa de enfermagem, como forma de permitir a elaboração de escala de serviço com o número de horas de trabalho estabelecido por lei, bem como a concretização dos direitos previstos na lei (flexibilidade de horário para profissionais com idade superior a 50 anos e lei da parentalidade).

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.