Diario do Sul
diario jornal

Novo arcebispo de Évora tomou posse na Sé no passado domingo

D. Francisco Senra Coelho convocou todos para “uma igreja familiar e unida”

D. Francisco Senra Coelho é o novo arcebispo de Évora, tendo recebido do núncio apostólico em Portugal, D. Rino Passigato, o pálio abençoado pelo Papa, insígnia litúrgica de honra e jurisdição da Igreja católica.

Autor :Maria Antónia Zacarias

05 Setembro 2018

Na tomada de posse a Sé de Évora esteve lotada, tendo sido frente a todos os que quiseram partilhar este momento único na vida de D. Francisco que o novo arcebispo convocou todos para “tudo e sempre em missão porque somos, por vocação baptismal, discípulos missionários”. Aproveitou ainda para chamar a diocese para continuar a ser “uma Igreja em saída, tolerante, acolhedora e unida, mais do que nunca, ao Papa Francisco”.
Centenas de pessoas quiseram participar na tomada de posse do novo arcebispo, no passado domingo, em Évora. As temperaturas elevadas não impediram de estarem presentes nesta cerimónia católicos eborenses e muitos outros vindos do distrito de Braga. Para além das autoridades civis e militares, vários representantes da Igreja, nomeadamente D. Manuel clemente, Cardeal Patriarca de Lisboa, presidiu à celebração da eucaristia.
D. Francisco Senra Coelho agradeceu a confiança ao Santo Padre ao enviá-lo como bispo para “a vetusta Igreja eborense. Comigo, a igreja eborense, neste momento e sempre, se une ao Papa, e com a riqueza da palavra de Deus e da doutrina social da igreja, sejamos profecia da nova Humanidade e semeadores de esperança. Que ninguém nos roube a esperança”.
Uma igreja renovada e uma “Igreja una, de Évora a Roma, inquestionável e inegociável”. Foram estes os votos do novo arcebispo, de 57 anos, nomeado pelo Papa Francisco a 26 de junho, sucedendo a D. José Alves.
Referindo-se ao seu antecessor, agradeceu pela sua fidelidade a Deus e à igreja e pelo seu dedicado serviço à nossa arquidiocese. “É para a igreja eborense uma alegria saber da sua decisão de ficar entre nós, pois muito contamos com a sua sábia experiência, testemunho de vida e fraterna amizade”, frisou.
Dirigindo-se aos cristãos da “minha querida e amada Arquidiocese de Évora”, D. Francisco Senra Coelho afirmou: “Igreja de Évora convoco-te para a missão! De mãos dadas, porque somos discípulos missionários, não nos esqueçamos: ‘Todos, tudo e sempre em Missão”, empreendido em mostrar ao mundo uma igreja acolhedora, familiar, transparente e coerente”. E acrescentou: “Gostaria de vos dizer que convosco sou cristão e para vós sou bispo: que eu seja todo de Deus, todo da Igreja, todo vosso!”.
O novo arcebispo falou também aos jovens, salientando que os sinais do tempo “convidam-nos a alargar horizontes de dádiva de vida e serviço voluntário, vós sois a igreja do amanhã, sois já o hoje, o rosto jovem, primaveril, criativo e esperançoso da igreja em renovação. Vós, jovens tendes voz e insubstituível lugar na igreja, pois sois igreja”.
Em Ano Missionário, D. Francisco Senra Coelho “pediu ao Senhor renovadas graças, para que com renovado entusiasmo, continuemos a ser igreja em missão”.

Dê-nos a sua opinião

NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.