euroace
Diario do Sul
diario jornal

Estimular a exportação

A Região Alentejo apresentou um kit de apoio à internacionalização

A Região Alentejo apresentou um kit de apoio à internacionalização, cujo objetivo consiste em estimular a exportação e as competências de internacionalização das PME, à Comissária Europeia El?bieta Bienkowska.

Autor :Nota de Imprensa

19 Outubro 2018

Na Terça-feira, 16 de outubro, realizou-se a conferência interina de um projeto ambicioso, centrado na melhor forma de ajudar as pequenas e médias empresas (PME) a internacionalizarem-se.
Muitos dos desafios no caminho para a internacionalização das PME são semelhantes em toda a Europa. Portanto, o objetivo do projeto consiste em partilhar experiências entre as sete regiões participantes – entre as quais a região do Alentejo, representada pela ADRAL. Trata-se do Projeto Everywhere International SMEs (EIS).

A Comissária Europeia para o Mercado Interno, a Indústria, o Empreendedorismo e as PME, esteve presente.
Segundo a Comissão Europeia, as PME que se internacionalizam são mais robustas, criam mais empregos e inovam mais. É também por esta razão que a Comissária Europeia para o Mercado Interno, a Indústria, o Empreendedorismo e as PME - Elzbieta Bienkowska - deu prioridade a esta conferência e proferiu o discurso de abertura.
Um dos pontos a que deu destaque foi o acompanhamento que a Comissão Europeia dá aos empresários e às PME, referindo que:
“A Comissão, apesar de estar longe das operações dos empresários, ainda tem muito a dizer e a fazer em relação às possibilidades dos empreendedores e das PME.”
A Comissária Europeia abordou ainda o tema dos desafios futuros que os empresários e as PME enfrentam, afirmando que: “Vivemos numa época de revolução industrial, de revolução digital, e isto é algo que estamos a tentar abordar através das nossas estratégias e políticas na Comissão Europeia.”
Everywhere International SMEs (EIS)
O projeto EIS reúne nove parceiros de sete regiões europeias do Reino Unido, Portugal, Dinamarca, Irlanda, Croácia, Polónia e Itália e prolonga-se até o final de 2020. Cada região parceira produz um Plano de Ação com base nas competências obtidas através do projeto e irá implementá-lo de 2019 a 2020.

Dê-nos a sua opinião

NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.