Malo
Diario do Sul
diario jornal

“CANÇÕES DE SAUDADE E AMOR”

XIV CICLO DE CONCERTOS “MÚSICA DO INVERNO”

No dia 1 de dezembro pelas 18h00 terá lugar um Concerto intitulado “Canções de Saudade e Amor”por Sandra Medeiros (soprano) e Francisco Sassetti (piano), integrado no XIV Ciclo de Concertos “Música no Inverno”.

Autor :Nota de Imprensa

27 Novembro 2018

Programa – António Fragoso (1897-1918) – Cantares, Canção perdida, Cantiga do lenço; Bertha Rosa Limpo (1894-1981) - Amor quando olhas para mim; Vianna da Motta (1868-1948) - Amores, amores; Luís de Freitas Branco (1890-1955) – Idílio, Aquela moça, A formosura desta fresca serra; Francisco de Lacerda (1870-1934)  (1926) – Trovas, O amor é como a sombra, O amor que me traz presa, Saudades da Terra           ; Nicolau d’Albuquerque –Fado, Canção magoada, Trovas ao meu amor; Alexandre Rey Colaço (1854-1928) -Um fado de Coimbra; Tomáz de Lima - A Guitarra, Trovas portuguesas; Julio Neuparth (1863-1919)- Fado Galvany; Luís Figueiras (1879-1904)                          - Bairro Alto;  J.R.Robles (1862-1929) -Fado Robles; Ernesto Halffter (1905-1989) - Fado                                                               

Sandra Medeiros - É licenciada em Canto pela Escola Superior de Música de Lisboa tendo integrado a classe da professora Joana Silva. Como bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian e Centro Nacional de Cultura prosseguiu estudos de pós-graduação em canto na Royal Academy of Music (RAM) em Londres, onde se graduou com “Distinção”, obteve o Dip. RAM e o prémio Amanda von Lob memorial Prize.  Foi premiada em concursos nacionais e internacionais de canto dos quais se destaca o 2º Prémio no V Concurso Internacional de Canto Bidu Sayão no Brasil. Gravou para as rádios Portuguesa, Búlgara e Inglesa (BBC3), para as televisões Portuguesa, Espanhola e Brasileira e para as editoras Naxos e Hyperion. A sua atividade como solista distribui-se pela música antiga, oratório, lied, melodie, canção do séc.XX/XXI e ópera tendo actuado sob a direcção de ilustres maestros com as mais destacadas orquestras portuguesas, com os mais conceituados grupos de música antiga portugueses e com as orquestras Barroca da RAM,Camerata Lysy de Gstaad, Sinfonia Varsóvia, Concerto Köln e o grupo L’Avventura London.

Francisco Sassetti - Concluíu o Curso Geral de Piano do Conservatório Nacional de Lisboa na classe de piano de Dinorah Leitão, e a Escola Superior de Música de Lisboa, na classe da pianista Tânia Acho. Ingressou no College Conservatory of Music da Universidade de Cincinnatti (EUA) onde obteve, em 1995, o Mestrado em Piano Performance na classe de Eugene Pridonoff. Realizou ainda estudos com Olga Prats, Marie Antoinette Levécque de Freitas Branco, Franck Weinstock, Sequeira Costa, Dmitri Papemo e Olivier Jacquon.

Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian e da Universidade de Cincinnatti. Foi ainda premiado no 1º Concurso da Juventude musical Portuguesa (1988). Iniciou a carreira de concertista no Teatro de S.Luiz em Lisboa, em 1988, e desde então tem-se apresentado a solo ou integrado em grupos de música de câmara por todo o país e ainda em Espanha, Alemanha, França, Bélgica, E.U.A. e Uruguai. Trabalhou com os maestros João Paulo Santos, Paulo Lourenço, Jorge Alves, José Robert, António Lourenço e Vasco Azevedo. Na qualidade de musico - actor trabalhou ainda sob a direção dos encenadores Paulo Matos, Paulo Lages e João de Melo Alvim

 

Sandra Medeiros e Francisco Sassetti iniciaram colaboração em 2003, desde então tem realizado muitos recitais; O duo dedica especial atenção à divulgação do repertório português pelo que inclui em alguns dos seus programas composições, algumas pouco conhecidas, de compositores portugueses desde o período Barroco até ao Contemporâneo. Desde a sua existência tem apresentado primeiras audições absolutas algumas das quais dedicadas ao duo.

 

O ciclo prossegue no mês de dezembro pelas 18h00 com: dia 9– Recital de Acordeão e Piano com Gonçalo Pescada (acordeão) e Ian Mikirtumov (piano), dia 15  - Recital de Violoncelo e Piano com Bruno Borralhinho (violoncelo) e Christoph Berner (piano) e dia 16 com o Concerto de Natal pelo Coro Polifónico “Eborae Mvsica” sob a direção de Eduardo Martins e com acompanhamento de Rodrigo Gomes (piano) e Jorge Vinhas (violino).

Este Ciclo é organizado pela Associação Eborae Mvsica entidade financiada pelo Ministério da Cultura-Direção Geral das Artes e tem o apoio da Câmara Municipal de Évora, e dos órgãos de comunicação social para a realização deste Ciclo de Concertos.

Dê-nos a sua opinião

NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.