euroace
Diario do Sul
diario jornal

Em Grândola

“O Alferes Malino”

Teve lugar em Grândola a apresentação pública do Livro “O Alferes Malino”, numa das noites de Outubro, no Cineteatro Grandolense que deu acolhimento a um apaixonante relato de uma personalidade que se cumpriu em terras alentejanas.

Autor :Aliette Martins

30 Novembro 2018 | Publicado : 15:10 (30/11/2018) | Actualizado: 12:44 (03/12/2018)

O título do Livro poderá levar o leitor a imaginar a personalidade do principal actor da história, todavia, para além dessa realidade, António Chainho “leva-nos” – encaminha-nos - para o Baixo Alentejo através da sua cultura e hábitos, com o rigor da sua autenticidade, a par dos sentimentos rendidos a valores que ditam a realidade na sua complexidade.
A construção do enredo vivido pelo “Alferes Malino” vem do passado profundo e toca-nos enquanto leitores, nós que nascemos e vivemos na “arena acelerada” das grandes cidades, onde os instantes esvoaçam - tão iguais – cada vez mais velozes e sem caminhos.
No todo do contexto em que o Livro se justifica, a ternura ganha espaço, contrastando com o viver nas grandes cidades onde os pensamentos esvoaçam - tão iguais – cada vez mais escorregadios e velozes… a obra remete-nos para a vida e para o direito de sonhar e de partir, “cavalgando” o ondular das searas maduras em que
repousam as espigas que nos oferecem o Pão. Destaco o prazer imenso de ler uma bela história que nos apela à descoberta e se traduz numa belíssima edição literária.

A leitura do “Alferes Malino” deixo-a a si, leitor, numa moldura vazia à espera de um conteúdo, o Seu, pelo prazer que certamente terá em descobrir a narrativa com que se rodeia e apresenta.

Dê-nos a sua opinião

NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.