Diario do Sul

Périplo do Comité Executivo nos dias 2 e 3 de maio

Altice Portugal anuncia investimento superior a 10 Milhões de euros no Alto Alentejo

• Expansão da cobertura da rede de fibra ótica e rede 4G nos municípios de Portalegre, Campo Maior, Elvas e Marvão; • Parceria tecnológica entre a PT Empresas, a Altice Labs e o Parque do Alentejo de Ciência e Tecnologia; • Reforço da parceria com o Politécnico de Portalegre através de assinatura de protocolo de colaboração com Altice Labs; • Fundação Altice expande vertente de responsabilidade social com inauguração de novas cabines de leitura em Arronches e Reguengos de Monsaraz.

03 Maio 2019 | Publicado : 16:59 (03/05/2019) | Actualizado: 17:20 (03/05/2019)

O Comité Executivo da Altice Portugal termina hoje um périplo pelo Alentejo, com passagem por sete Concelhos, onde anunciou um conjunto de iniciativas que representam um investimento superior a 10 Milhões de euros na região: reforço da expansão da fibra ótica; reforço da cobertura 4G; parceria tecnológica com parque empresarial; parceira com Academia; e ações de alargamento da responsabilidade social.
Numa ótica de investimento em infraestruturas de fibra ótica de última geração, assim como na modernização da Rede Móvel e na expansão do 4G, foram assinados nos Municípios de Portalegre, Campo Maior, Elvas e Marvão, protocolos no âmbito da infraestruturação e redes. Com este reforço de investimento, os mais de 60.000 habitantes destes municípios vão passar a usufruir de uma cobertura em fibra ótica de cerca de 80% e em rede móvel 4G de mais de 90%.
Alexandre Fonseca, Presidente Executivo da Altice Portugal, realizando o balanço desta deslocação, considera que «o périplo no Alto Alentejo demonstra uma vez mais, a próxima relação que a Altice Portugal tem com o território e com as pessoas, ao trazer investimento tão importante para regiões como estas, com baixa densidade populacional, de forma a permitir que as populações continuem o seu trajeto de crescimento e de desenvolvimento. A Altice Portugal é uma empresa de país inteiro, para o país inteiro, no país inteiro. Para nós, é muito gratificante, vermos autarcas e empresários não só a enaltecer esta nossa estratégia, como a desafiarem-nos para projetos e a darem-nos os parabéns por estas iniciativas que temos tido e pelo trabalho que estamos a fazer. É um trabalho genuíno, é um trabalho sério, e acima de tudo é um trabalho em prol do país, da economia e do desenvolvimento social. Fazemo-lo com muito gosto, nesta lógica que esta Comissão Executiva tem vindo a protagonizar, de humanizar a gestão, de humanizar a tecnologia, sendo esse o caminho que queremos continuar a seguir. O que ouvimos dos autarcas desta região foram palavras muito reconfortantes que são um precioso fator de motivação para esta nossa estratégia dedicada às pessoas e ao território».
Esta intervenção no interior do país está em linha com a estratégia que a Altice Portugal tem adotado ao nível do investimento, da inovação, da intervenção social e da proximidade. O investimento agora protagonizado pela Altice Portugal contribui ainda para aquele que é um dos principais objetivos da empresa no que concerne à infraestruturação de fibra ótica em Portugal: cobertura quase integral do território nacional até 2020, o correspondente a 5,3 milhões de casas em 308 Concelhos e mais de 27 mil locais.

A visita da Altice Portugal a estes Concelhos fica também marcada pela assinatura de um protocolo entre a PT Empresas, a Altice Labs e o Parque do Alentejo de Ciência e Tecnologia, em Évora, nomeadamente nas áreas das telecomunicações, comunicações eletrónicas, soluções cloud, tecnologias/sistemas de informação e nos serviços de business process outsourcing. O objetivo é estabelecer laços fortes de cooperação, com vista ao mais profundo conhecimento e satisfação das suas necessidades nomeadamente no que diz respeito a desenvolvimento de produtos e serviços, a prestação de serviços e integração de sistemas na área das tecnologias de informação e comunicação.
Já numa lógica de aproximação e reforço da ligação à academia, foi ainda assinado no Instituto Politécnico de Portalegre, o protocolo de parceria com a Altice Labs, momento que contou com presença de Alexandre Fonseca, CEO da Altice Portugal, do Comité Executivo da empresa, de Alcino Lavrador, Diretor Geral da Altice Labs e de Albano Silva, Presidente do Politécnico de Portalegre.
Outro dos pilares da estratégia da Altice Portugal, reforçado durante a passagem nestas localidades, é o pilar da intervenção social. Neste âmbito, a Altice Portugal, através da Fundação Altice, e em colaboração com a Câmara Municipal de Arronches e com a Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz, inaugura duas novas cabines de leitura. À semelhança do que tem sido feito um pouco por todo o país, estas antigas cabines telefónicas passam a ser uma autêntica biblioteca comunitária, promovendo a leitura. O objetivo desta iniciativa é estreitar laços comunitários, exercitar a cidadania e fomentar a leitura num espaço totalmente inusitado. E porque a Altice Portugal acredita que a igualdade de oportunidades começa na educação, foram também entregues tablets 4G da Huawei com conteúdos digitais LeYa aos Agrupamentos Escolares de Arronches. O objetivo é criar oportunidades iguais para todos os jovens, contribuindo, assim, para a construção da Sociedade da Informação e acesso às Tecnologias de Informação e Comunicação. Este é um compromisso que a Altice Portugal assume com a sociedade portuguesa, nas suas funções core: tecnologia e acesso.
O périplo de dois dias do Comité Executivo da Altice Portugal termina hoje em Monsaraz, onde toda a Administração da Empresa foi recebida pelo presidente da autarquia, antes do início da reunião estratégica da Altice, seguindo-se a inauguração da cabine de leitura em Reguengos.

Dê-nos a sua opinião

NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.