Diario do Sul

Para apoiar projetos do setor primário

Agrogarante inaugurou nova agência em Beja

As mais recentes instalações da Agrogarante – Sociedade de Garantia Mútua, foram inauguradas na passada quarta -feira, 18, em Beja. A empresa, com sede em Coimbra, passa a disponibilizar serviços na área das garantias a empréstimos e a sistemas de incentivos, garantias ao Estado e de bom pagamento.

Autor :Redacção «Diário do SUL»

19 Setembro 2019 | Publicado : 18:59 (19/09/2019) | Actualizado: 19:04 (19/09/2019)

Durante a manhã decorreu a inauguração da nova agência que vai apoiar essencialmente empreendimentos do setor primário com especial enfoque nos projectos agrícolas, agro-industriais e florestais.
Já à tarde realizou-se o fórum Conversas de Agricultura enquadrado no âmbito das Conversas de Agricultura, que ta empresa tem vindo a realizar nos últimos anos, em que se abordou principalmente os temas da inovação e competitividade. Bastante participado, o encontro teve lugar no auditório Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva (EDIA). Na sessão de abertura intervieram, o presidente do conselho de administração da Agrogarante, José Figueiredo, o administrador das SPGM, António Gaspar, o presidente da EDIA, José Salema e o diretor regional de Agricultura e Pescas do Alentejo, José Calado. De acordo com a Agrogarante o obejetivo foi reunir instituições relevantes, parceiros bancários e outros atores do setor, com o merecido destaque para as empresas e empresários do setor agrícola.

Leia mais nas edições Diário do SUL

Porquê o interior-sul?

Agência de Beja - AGROGARANTE

Logo após a inauguração da nova agência, em entrevista ao Diário do Sul, o presidente do CA da Agrogarante, José Fernando Figueiredo, enfatizou dicotomia litoral-interior que tem caracterizado o acesso dos empresários a este tipo de serviços e apontou três razões para a empresa se instalar agora na cidade de Beja.

Dê-nos a sua opinião

NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.