capital humano
Diario do Sul

Tema de Abertura

Nota do Dia do 51º aniversário do Diário do Sul

Descrentes no Poder Central nesta área da Imprensa Regional, insistimos com o Poder Local e seus eleitos para que se envolvam com o Diário do Sul no futuro da Informação séria e independente, apostada no desenvolvimento do Alentejo onde a Imprensa é indispensável para reclamar os anseios da população.

Autor :Manuel Madeira Piçarra

Fonte: Redacção «Diário do SUL»

26 Fevereiro 2020 | Publicado : 09:55 (26/02/2020) | Actualizado: 16:37 (27/02/2020)

1 – Ao contrário das pessoas que se inquietam com o passar dos anos a Imprensa escrita, a que é sempre genuina, alegra-se quando faz anos, pelo que o envelhecimento a enriquece e pela satisfação de mais se reencontrar com os seus leitores.
Diário do Sul faz agora mais um ano de publicação e isso é para este Jornal motivo de contentamento sinal de que não nos enganámos quando no seu primeiro dia de publicação noticiámos: isto é para sempre!

2 – E, na verdade, mesmo quando sopraram maus ventos e vozes roucas de incrédulos, nós aqui afirmámos que este Diário era a voz forte que faltava no Alentejo.
Pouco confiantes no poder do Terreiro do Paço, fizemos destas páginas uma voz exigente para tudo que aqui faltava.
E já lá vão mais de 50 anos e na mesma frontalidade nós desconfiamos das promessas que se fazem no rabisco de votos e elogios.
Daí que digamos sempre sobre o Alentejo: ai de nós se não formos nós!

3 – Dizem-nos muitos leitores que somos o único diário regionalista, melhor se dizendo: Municipalista, porque aquela ideia fica longe e porque a desconcentração de poderes nas Autarquias é mais fácil.
Na verdade este Diário foi imaginado para ser porta voz das necessidades dos concelhos alentejanos, dos seus eventos e do seu desenvolvimento.
Por aqui passaram os apoios aos grandes projectos dos Municípios dos 3 distritos; à reabertura da Universidade de Évora e dos Institutos de Portalegre e Beja e fomos os grandes defensores da obra do Alqueva; e exigimos fábricas e empresas para a região e é isso que continuamos a escrever.
4 – Sairam frustradas as expectativas do Governo devolver o apoio à distribuição de jornais (antigo Porte Pago) conforme o Partido Comunista Português e Bloco de Esquerda propuseram. E foi manifesto o desinteresse pelo futuro da Imprensa Regional por parte do Partido Socialista e do Partido Social Democrata a quem não chegaram os ecos das palavras do Presidente da República a alertar a situação gravíssima da Imprensa.
A Associação Portuguesa de Imprensa, a Associação de Imprensa de Inspiração Cristã e o Sindicato dos Jornalistas de imediato publicaram um Comunicado a mostrarem-se perplexos perante o desinteresse do Governo que a médio prazo fará desaparecer a profissão de Jornalista o qual já publicámos neste Diário.

5 – O futuro da Imprensa Regional terá que passar pelos Municípios porque é com eles que a informação convive todos os dias.
No Alentejo alguns Municípios estão conscientes dessa realidade mas a maior parte ainda não se apercebeu de quantos apoios a Imprensa presta às Autarquias.
Cabe-lhes e aos partidos políticos a que pertencem analisarem as formas mais rápidas e eficientes para dialogarem com os munícipes que os elegeram e fazerem parte de uma informação alargada de tudo o que acontece nos seus concelhos.

6 – Fazemos agora 51 anos ao serviço dos interesses do Alentejo e é o Diário do Sul quem está sempre no topo dos acontecimentos a levar a notícia a milhares de leitores.
Resta-nos reflectir sobre o caminho futuro já que devemos aos assinantes e anunciantes uma palavra de agradecimento pela sua dedicação a este Jornal.
Descrentes no Poder Central nesta área da Imprensa Regional, insistimos com o Poder Local e seus eleitos para que se envolvam com o Diário do Sul no futuro da Informação séria e independente, apostada no desenvolvimento do Alentejo onde a Imprensa é indispensável para reclamar os anseios da população.

51 ANOS DEPOIS

• Estamos em todas as cidades-vilas e aldeias do Alentejo
• Somos o grande porta voz e defensor das Autarquias alentejanas
• Levamos à 1.ª página todos os eventos importantes da região
• Quando os governantes vêm ao Alentejo Diário do Sul está lá a fazer reportagem
• Somos a maior empresa de Comunicação Social do Sul do País
• Temos a maior equipa humana de Imprensa-Rádio e TV-Net
• Pagamos impostos elevados
• Organizamos e apoiamos eventos na Educação – Saúde e Social, em parceria com diversas Instituições
• O Estado ignora este serviço público
• Somos Diário do Sul – Grupo que informa o povo alentejano. E continuaremos a fazê-lo. Nesta missão de dar voz ao Alentejo
• Aqui montámos a Agência ANOP por decisão de Mário Soares e Tito Morais e mais tarde veio a Agência LUSA, de que somos o mais antigo cliente.
• Somos co-fundador da Agência Notícias de Portugal e da Alimprensa-Alentejo
• Montámos a 1.ª Rotativa no Sul do País
• Somos Prémio Nacional do Clube de Jornalistas - Prémio Gazeta 2008
…. e muito mais.

Dê-nos a sua opinião

NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.