capital humano
Diario do Sul

Primeiro-ministro anunciou medidas de apoio social e económico

Pagamento do IVA e do IRC adiado para o segundo semestre

Fonte: Redação DS

20 Março 2020

O pagamento do IVA e do IRC foi adiado para o segundo semestre deste ano. Esta foi uma das medidas de apoio social e económico anunciada, hoje à noite, pelo primeiro-ministro, António Costa, no final da reunião do Conselho de Ministros.

Segundo o governante, "é necessário preservar o emprego, assegurar o rendimento das famílias e que as empresas não fechem as suas portas".

Disse ainda que o nosso país está a viver “um momento de emergência sanitária, mas também um momento de emergência económica” devido ao surto do novo coronavírus, o Covid-19.

António Costa fez ainda questão de salientar que "este será seguramente um trimestre muito duro para todos nós".

Lembrou também que “o dever do Governo é enfrentar a pandemia de Covid-19, mas também tranquilizar empresas e famílias de que em junho haverá um novo futuro após pesadas consequências na economia nos próximos três meses”, como noticiou a Agência Lusa.

O primeiro-ministro admitiu que "seria irrealista neste momento estar a apresentar um programa de relançamento da economia, trata-se de nos concentrarmos em salvar vidas, e, no lado da economia, salvar vidas, empregos, rendimentos e empresas”.

Alertou ainda para "ninguém ter ilusões de que seja possível ter um encerramento de tão vasto número de atividades empresariais, de termos uma atitude de recolhimento generalizado sem que haja pesadas consequências na economia".

Para António Costa, "a medida mais eficaz para apoiar o rendimento das famílias é garantir emprego", reiterando que, "por isso, condicionámos as linhas de crédito de apoio às empresas à manutenção dos postos de trabalho".

Dê-nos a sua opinião

NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.