merida enamora 2
Diario do Sul
Twitter rectangular

Montemor-o-Novo

Oficina do Canto | "18 anos É obra!"

18 Novembro 2015 | Publicado : 16:19 (18/11/2015) | Actualizado: 16:19 (18/11/2015)

No próximo sábado, 21 de novembro de 2015, pelas 21h30, o Cine-Teatro Curvo Semedo, acolhe o concerto "18 anos é obra!".
Em palco a Oficina do Canto vai revisitar canções que foram passando pelos seus 18 anos de toda a sua existência, assim como algumas "refrescadas", com outros temas em estreia.
O espetáculo, irá contar com a Oficina do Canto e com a participação especial de alguns elementos que, noutras "andanças", já fizeram parte do grupo.
Foi em 1997 que surgiu a “Oficina do Canto”, um projecto inovador da Câmara Municipal de Montemor-o-Novo, que assentou um dos seus alicerces no simples facto de proporcionar um espaço de alegria para as crianças e jovens, que apenas queriam cantar. Lugar de divertimento (ensaiado) aberto a todos, aliás, pela adesão de um elevado número de pequenos artistas, entende-se que foi esse um princípio e uma das suas mais valias.
Todos têm na memória momentos grandes desta Oficina, que fez do canto a sua arma - as Cantatas e Concertos de Natal, os musicais, os concertos, os cds que guardamos religiosamente em casa, as idas à televisão, e muitas outras que nos levam, em tom quase nostálgico, a exclamar com alguma admiração – “já passaram 18 anos!”.
O tempo passa realmente veloz e já foram mesmo muitas as centenas de crianças, agora jovens e adultos, que já passaram por esta autêntica escola de valores e cidadania, onde a Maestrina foi “mãe”, amiga e professora. De facto, outra das bases sólidas desta Oficina foi, e continua a ser, o intocável e enorme gosto e coração que Maria do Amparo – a Maestrina - demonstra na direção deste coro.
Todo o concerto terá como executantes os músicos Carlos Mil-Homens (percussão), Ivo Nogueira (baixo) Jorge Anacleto (guitarras) e Nuno Tavares (piano).
Direção artística e musical: Maria do Amparo e Paulo Quedas.
Produção musical: Samuel | Som: João Bacelar | Iluminação: Carlos Olivença | Adereços: Graça Pires, Mimi Santos
Entrada Livre, mediante apresentação de bilhete gratuito
Distribuição de Bilhetes:
A partir de 16 de Novembro no Posto de Turismo de Segunda a Sábado (das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 18h00) - Máximo de quatro bilhetes por pessoa.
No dia do Espetáculo: até às 18h00 no Posto de Turismo, e a partir das 20h30 na Bilheteira do Cine-Teatro Curvo Semedo.

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.