Diario do Sul
Portugal2020

Certame

Alcáçovas faz “crescer água na boca” com Mostra de Doçaria

02 Dezembro 2015

Doces conventuais e palacianos vão fazer “crescer água na boca” na 16.ª edição da Mostra de Doçaria em Alcáçovas, no concelho de Viana do Alentejo, a partir de sexta-feira, com doceiros de várias zonas do país.

O evento, que se prolonga até domingo, é organizado pela Câmara de Viana do Alentejo e Junta de Freguesia de Alcáçovas e vai decorrer no Parque de Exposições desta localidade no distrito de Évora.

As “estrelas” desta mostra, que conta com a participação de doceiros de vários pontos do país, são os doces conventuais e palacianos.

“O certame pretende preservar a doçaria conventual e palaciana, bem como os saberes e sabores característicos da região”, explicou hoje a câmara municipal.

Ao longo dos três dias da mostra, que tem entradas gratuitas, segundo a organização, os participantes vão mostrar iguarias capazes de fazer “crescer água na boca”.

Bolo Real, Bolo Conde de Alcáçovas, Sardinhas Albardadas e Amores de Viana são os “cartões-de-visita” do evento, que tem permitido recuperar receitas antigas que fazem parte da história e da identidade do concelho.

“Já se tornou um ponto de encontro para muitas famílias e um dos principais eventos de inverno da região”, sublinhou o município.

O programa da edição deste ano inclui também diversas iniciativas culturais, nomeadamente o 4.º Concurso de Doçaria Conventual e Palaciana, que pretende preservar a doçaria tradicional portuguesa.

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.