Diario do Sul
diario jornal

Sucesso garantido

Milhares de visitantes na Mostra de Doçaria de Alcáçovas

O elevado número de visitantes que no passado fim de semana visitou a 16ª edição da Mostra de Doçaria de Alcáçovas confirma o êxito deste certame, um dos principais eventos de inverno da região Alentejo.

10 Dezembro 2015

A qualidade do evento aliada à qualidade da doçaria faz desta Mostra um ponto de encontro quer para visitantes, quer ainda para os doceiros que participam, muitos deles desde a primeira edição.

24 Doceiras e doceiros de vários pontos do país voltaram a mostrar delícias de fazer crescer água na boca. Às estrelas do certame – Bolo Real, Bolo Conde de Alcáçovas, Sardinhas Albardadas e Amores de Viana – juntaram-se muitas outras e ainda os licores e os chás com ervas aromáticas produzidas por uma empresa sedeada em Alcáçovas.

Para o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Viana do Alentejo, a Mostra de Doçaria “gera um impacto bastante positivo na economia local ao nível da venda direta, mas também ao nível dos negócios que se perspetivam ao longo do ano”. João Pereira assegurou ainda durante a inauguração do certame a importância do impacto indireto na promoção do que o concelho tem para oferecer, nomeadamente ao nível da cultura, da identidade e dos produtos caraterísticos, que considera ser difícil de quantificar.

Na semana em que a UNESCO classificou o fabrico dos chocalhos como Património Cultural Imaterial com Necessidade de Salvaguarda Urgente, o autarca acredita “que a distinção ajudará a valorizar este património único” e pode, igualmente, “constituir um fator de atração turística e desenvolvimento local”.

O Município de Viana do Alentejo e a Junta de Freguesia de Alcáçovas aproveitaram a ocasião para homenagear os chocalheiros da vila que fizeram e fazem desta arte a sua forma de vida e ainda o coordenador da candidatura, Paulo Lima, e o presidente da Turismo do Alentejo e Ribatejo, Ceia da Silva, com a entrega de uma medalha que evoca a salvaguarda das artes chocalheira e esquilaneira. A cerimónia contou com a presença dos Ministros da Agricultura, Luís Capoulas Santos, da Cultura, João Soares, bem como dos deputados Norberto Patinho e João Oliveira e do eurodeputado, Carlos Zorrinho.

Pelo 4º ano consecutivo a Junta de Freguesia de Alcáçovas promoveu o Concurso de Doçaria Conventual e Palaciana. A Casa Maria Vitória com o Bolo Conde de Alcáçovas alcançou o 1º lugar, seguido de Margarida Ilhéu, com o Fidalgo e da Casa dos Doces Conventuais com Castanhas de Ovos. Mariana Nunes recebeu uma Menção Honrosa, com o Bolo Rançoso.

Para além dos doces, os verdadeiros anfitriões da festa, houve ainda muito para ver. O Município preparou um programa cultural que englobou dança, cante alentejano, gospel com os Soul Gospel Projet e muita música com a Banda da Sociedade União Alcaçovense, José Liaça e Carlos Coincas, Orquestra Royal, Cavaquinhos do Alentejo, Vozes d’Alqueva e o projeto Monda, que encerrou a animação musical da XVI Mostra de Doçaria.

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.