Diario do Sul
diario jornal

Sete estudantes investigam megalitismo do concelho

Alunos da Universidade de Évora estudam menir colossal em Arraiolos

Fonte: Nota de Imprensa

10 Agosto 2016

O Menir da Caeira, na freguesia do Vimieiro, no concelho de Arraiolos, está a ser alvo de estudo e de escavações por parte de sete alunos e de uma docente de Arqueologia da Universidade de Évora.
Os trabalhos decorreram no terreno com o apoio logístico do Município de Arraiolos e incidiram sobre um menir isolado de grandes proporções, com mais de cinco metros de altura e cerca de nove toneladas de peso.
Segundo Leonor Rocha, a escavação do monumento tem fornecido dados “muito interessantes sobre a sua utilização na Idade do Bronze e no Período Romano”.
O Menir aparenta ser do Neolítico antigo, ou seja ter cerca de 7000/8000 anos e os trabalhos inserem-se no âmbito das aulas práticas que os alunos têm de realizar no curso.
Esta escavação encontra-se inserida num dos projetos daquela coordenadora de investigação sobre o Megalitismo Alentejano.
O concelho de Arraiolos é rico em património histórico-arqueológico, nomeadamente a nível do Período Romano e da Pré-história recente
Os trabalhos práticos dos alunos em Arraiolos decorreram, nesta primeira fase, até ao dia 29 de Julho, podendo vir a realizar-se mais trabalhos em outubro, com os alunos do Mestrado de Arqueologia da Universidade de Évora.

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.diariodosul.com.pt reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.diariodosul.com.pt

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.